Teste do agente invisível: o suicídio comportamental do Ocidente

A prevalência de valores individualistas ou coletivistas nas culturas pode estar relacionada ao nível de suscetibilidade a surtos de doenças infecciosas em diferentes sociedades. Dados epidemiológicos sugerem que regiões com prevalência de comportamentos coletivistas, isto é, comportamentos com maior grau de conformidade, estão mais propensas à inibição de surtos. Ora, na medida que agentes sociais possuem maior…